sexta-feira, junho 26, 2015

0

Cascatas da Islândia

Em terras de gelo e fogo, de ancestrais viquingues e de uma natureza luxuriosa

Svartifoss

Quando a temperatura sobe, a etérea paisagem de gelo característica da Islândia transforma-se num majestoso espectáculo de quedas de água. Conheça as mais incríveis cascatas da Islândia.

quinta-feira, junho 25, 2015

0

A “Boca do Inferno”, São Tomé e Príncipe

Fonte: Bill's Excellent Adventures

Conta a lenda que um dos barões da roça de Água Izé era tão malvado que, quando queria viajar a Lisboa, montava o seu cavalo, dirigia-se ao canal da Boca do Inferno, perto da roça, e saltava para o mar. O mar teria uma ligação à capital portuguesa e o barão surgiria pouco tempo depois no seu destino.

quarta-feira, junho 24, 2015

0

Golden Circle (Círculo Dourado), Islândia

É chamado de círculo mas tem, na realidade, o formato de um triângulo que passa por Thingvellir, Geysir e Gullfoss. O Golden Circle é a excursão turística mais procurada (e, diga-se, imperdível) da Islândia em que estão presentes os três elementos: água, fogo e terra. Demora 8 horas a ser realizada na íntegra, num percurso de 300 quilómetros, em são, essencialmente, visitados três lugares.

Parque Nacional Thingvellir

Placas tectónicas americana e euroasiática no Parque Nacional Thingvellir

terça-feira, junho 23, 2015

0

Praia da Jalé, São Tomé e Príncipe: um santuário ecológico

É preciso percorrer um longo e penoso caminho em terra batida até chegar à belíssima Praia da Jalé mas, quando finalmente se alcança este local onde as tartarugas escolhem desovar, é fácil compreender por que é que é difícil lá chegar; afinal de contas, não se encontra o paraíso facilmente.

Tartaruga
Fonte: ATM

Encontramos o Jalé Ecolodge perto do Parque Natural Obô de São Tomé, próximo à linha imaginária do equador, numa área que integra vários ecossistemas.

segunda-feira, junho 22, 2015

0

As roças de São Tomé e Príncipe

As roças de São Tomé e Príncipe assumiram-se como as bases da economia das ilhas até à sua independência, em 1975.

A palavra “roça” é usada para referir a estrutura de exploração do cacau e do café mas, não só; é também símbolo do modelo de expansão e penetração no território dessa estrutura.

Cacau

terça-feira, junho 16, 2015

0

Guia de boas práticas na cultura japonesa

Gueixa

O Japão é dos países que mais marcam aqueles que o visitam e que permanece na memória como um dos lugares a voltar a visitar. É impossível ver tudo numa só viagem mas não é impossível ser contagiado por toda a magia que envolve este distinto país. A forma de ser, de estar, de encarar a vida dos japoneses é incomparável.

Apesar de ser agora mais fácil alcançar lugares como o Japão, ainda não é clara a forma como conseguiremos adaptar-nos ao país. O comportamento do povo japonês é muito diferente do português e há que ter em conta determinados costumes e atitudes para facilitar a comunicação e a nossa integração no país.

Portanto… como é que nos devemos comportar?

segunda-feira, junho 15, 2015

0

Mar Morto


No meio da poeira típica dos desertos do Meio Oriente, em contraste com o amarelo torrado da areia e das montanhas circundantes, descobrimos um oásis de um tom azul claro que encanta aqueles que o observam.

Esse oásis é real e tem o nome de Mar Morto, que é, na realidade, um grande lago de água extremamente salgada que se encontra no Médio Oriente, mais precisamente entre os territórios de Israel, Palestina e Jordânia. Localizado a 427 metros abaixo do nível do mar, é o ponto mais baixo do planeta.

domingo, junho 14, 2015

0

As Maravilhas de Isfahan, Irão


O Maydan-e Shah 

Praça Maydan-e Shah com vista para a Mesquita do Imam

A Praça Real de Isfahan é um monumento representativo da vida sociocultural da Pérsia do período safávido (até 1722).

O Shah da dinastia iraniana dos Safávidos, Abbas, que reinou desde 1587 até 1628, escolheu Isfahan como a sua capital e decidiu remodelá-la e embelezá-la a rigor. No centro da cidade foi construída uma Praça Real (conhecida como Maydan-e Shah) que foi considerada tão majestosa que foi apelidada de “A Imagem do Mundo”. 

sábado, junho 13, 2015

0

O Relógio Astronómico de Praga


A todas as horas, multidões juntam-se diante do relógio astronómico da Câmara Municipal de Praga para observar as figuras alegóricas que dão ritmo a pequenos momentos do dia e da noite.

terça-feira, junho 09, 2015

0

Animais da Austrália

Coala

Será relevante mencionar os animais que existem na Austrália? Serão assim tantas espécies? Tão diferentes das dos outros países?

Bem, a Austrália tem mais de 378 espécies de mamíferos, 828 de pássaros, 4.000 de peixes, 300 de lagartos, 140 de cobras, duas espécies de crocodilos e cerca de 50 tipos de mamíferos marinhos. Além disso, mais de 80% das plantas, mamíferos, répteis e sapos que vivem no país são exclusivos da Austrália e não são encontrados em nenhum outro lugar. Portanto, a resposta é… Sim.

segunda-feira, junho 08, 2015

0

Aung San Suu Kyi

Fonte: Tibet Sun

Os viajantes que se atrevem a escolher a República de Myanmar, antiga Birmânia, como destino da sua viagem, certamente conhecem a história de Aung San Suu Kyi, a ativista birmanesa que se opôs ao governo do seu país e sofreu largos anos de prisão e exílio.

Tudo começou quando San Suu Kyi regressou a Myanmar para cuidar da sua mãe, em 1988, anos depois de ter saído do país para estudar, e se deparou com uma revolta popular contra o governo ditador de U Ne Win.

domingo, junho 07, 2015

0

“Cemitério Alegre” de Sapanta, Roménia



Localizado na região de Sapanta, próximo da fronteira com a Ucrânia, encontra-se um dos lugares mais inusitados da Roménia: o cemitério “mais alegre” do mundo.

O Cimitirului Vesel (ou Cemitério Alegre) é um cemitério como qualquer outro, excepto numa pequena particularidade: o facto de as lápides de cada campa serem representativas da vida dos que ali foram enterrados e contarem a sua história através de imagens coloridas e frases poéticas.

sábado, junho 06, 2015

0

A cidade chinesa de Nova Iorque, EUA

Fonte: Booms Beat

Da Broadway a Canal Street, de Bowery a Worth Street, nas ruas de Manhattan, Nova Iorque, encontramos um bairro de comércio intenso e múltiplos restaurantes de cozinha oriental chamado Chinatown.

Aqui vivem e trabalham cerca de 150.000 chineses que se espalham por uma dúzia de quarteirões feitos de ruas estreitas e prédios velhos de tijolo ladeados por escadas de emergência ferrugentas. Parece uma cidade triste ou monótona, certo? Muito pelo contrário! O comércio enérgico, a movimentação apressada dos habitantes, o aroma dos restaurantes e as luzes coloridas das lojas conferem uma vida sem igual a este cenário que à partida seria cinzento.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...