terça-feira, setembro 30, 2014

0

Colina Gellért, Budapeste, Hungria: um ex-líbris com um passado sombrio


A Colina Gellért, em Budapeste, nem sempre teve essa designação e a estátua de um velho bispo que ali se encontra é símbolo dessa transição. No século XI, era chamada de Colina Velha, para além de ser o assento dos Eravi Celtas, um povo anterior aos romanos. Nessa altura, em 1046, o príncipe Vata conseguiu convencer os pagãos a revoltarem-se contra o bispo Gellért, que estava a tentar cristianizá-los, acabando por provocar o seu assassinato. O bispo foi fechado num barril e atirado abaixo da colina, sendo a actual estátua uma homenagem ao seu martírio.

Mas, desgraças históricas à parte, a Colina Gellért é um dos locais mais celebrados de Budapeste, oferecendo, do alto dos seus 140 metros, uma magnífica vista sobre a cidade e o Danúbio. Antes do século XIX, a colina não foi mais do que uma fortaleza turca e depois austríaca. Somente aí é que começou a adquirir o seu aspecto actual, tornando-se um local de eleição para piqueniques e longos passeios pelo parque.


Sabia que…
… reza a lenda que era nesta colina que, na Idade Média, as bruxas realizavam o seu sabat?

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe aqui o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...