terça-feira, abril 01, 2014

0

Em Guamá, Cuba, é possível vestir a pele de um indígena

Experimentar viver como um indígena taíno, numa cabana feita de madeira e com um telhado de folha de palmeira, é algo que o cativa? E se juntarmos a isso um sistema de ar condicionado e outras regalias? Se esta é a sua noção de umas férias perfeitas, então é em Guamá, Cuba, que as deve passar. Guamá é um complexo turístico que se estende por 12 pequenas ilhas da Lagoa do Tesouro, oito quilómetros a este da Boca de Guamá, e pretende retratar (tão fielmente quanto possível) a antiga povoação taína existente naquele local.


O próprio nome da Lagoa do Tesouro deriva das façanhas deste povo. Consta que, face à chegada dos conquistadores espanhóis, os taínos tentaram livrar-se de toda a sua riqueza, atirando sacos cheios de ouro à água. E o nome do complexo turístico que ali se encontra também: “Guamá” foi um cacique taíno que liderou uma revolta contra os espanhóis na década de 1530, acabando por ser assassinado no ano de 1533.

Este aldeamento muito fora do vulgar é composto por 49 cabanas, distribuídas pelas várias ilhas e ligadas entre si por pontes suspensas ou à distância de um passeio de canoa. O que lá não devia existir no tempo dos taínos é o actual restaurante, a discoteca e um museu dedicado a este povo, intitulado Muestras Aborígenes, onde são exibidos objectos que foram descobertos na zona e, ao que tudo indica, lhe pertenciam. São, no total, 90 km2 de imersão no passado.

Numa outra ilha desta lagoa ergue-se a Aldea Taína, uma reconstrução constituída por bohíos (cabanas índias), um caney (edifício redondo de maiores dimensões) e cerca de três dezenas de esculturas de indivíduos taínos, em tamanho real e em diferentes posições, da autoria da famosa artista cubana Rita Longa. Este parque escultórico é denominado Batey Aborigen e procura ser um reflexo da escassa quantidade de nativos que habitavam outrora o local. Entre as figuras está curiosamente Guamá, o guerreiro taíno que se fez herói.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe aqui o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...