terça-feira, janeiro 21, 2014

0

Mosteiro de Strahov, Praga


Mosteiro de Strahov, Praga
Em cima de uma colina, dominando o panorama de Praga, o bairro de Malá Strana e a colina de Petřín, erguem-se as duas torres brancas do Convento de Strahov. Além de uma das vistas mais bonitas de Praga, o viajante descobrirá uma excepecional biblioteca barroca e uma rica coleção de pinturas na galeria da abadia.
Quando foi fundado em 1140 pela austera Ordem Religiosa dos Premonstratenses, o Strahov rivalizava em dimensão com o palácio do soberano checo.


Sala Teológica onde podemos ver uma Estátua Pintada de S. João Evangelista, com o livro de orações dentro de uma pequena bolsa; e um dos Globos Celestes do século do século XVII, de William Blaeu, que estão dispostos pela sala.

Destruído pelo fogo em 1258, foi reconstruído em estilo gótico com acrescentos tardo-barrocos.
Sala Filosófica: Esta Sala foi construída em 1782 para albergar as estantes e os valiosos livros de um mosteiro dissolvido perto de Louka, na Morávia. O fresco do tecto representa a Luta da Humanidade para Conhecer a História Real e foi criado por Franz Maulbertsch. A sua fachada está decorada com jarros e um medalhão dourado de José II, da autoria de Ignaz Platzer.

A sua famosa biblioteca nas Salas Teológica e Filosófica, tem mais de 800 anos e, apesar de ter sido saqueada por váios exércitos invasores, é uma das melhores da Boémia.

Outro pormenor da Sala Teológica, onde se encontra exposta a Edição Original do Livro do Evangelho de Strahov do século IX.

O Strahov também escapou à dissolução dos mosteiros ordenada por José II em 1783 ao converter a sua biblioteca num instituto de investigaçao. Hoje continua a funcionar como mosteiro e museu.

Fonte:  Atlas do Viajante e Site Avant Guarde Prague
Fotografias: Shutterstock

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe aqui o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...