terça-feira, novembro 26, 2013

0

Monte Saint-Michel, França: a “Maravilha do Ocidente” nas marés mais profundas da Europa

Monte Saint-Michel, França

Se não fosse o visionarismo do ser humano, que viu numa temível ilhota granítica sem ligação a terra firme a oportunidade de criar algo maravilhoso, hoje o adorado Monte Saint-Michel não passaria disso mesmo. Mas, contrariamente, é uma deliciosa conjugação de natureza e história, de religião e crime, de prosperidade e decadência… e está no top de monumentos mais visitados em toda a França, sendo frequentemente apelidado de “Maravilha do Ocidente”. Se já atestou a sua beleza, atreve-se a afirmar que conhece bem a sua história?

segunda-feira, novembro 25, 2013

0

Dettifoss - a mais poderosa queda de água da europa


Dettifoss, Islândia
A água é uma constante na paisagem islandesa. A sua pureza é alardeada com presunçoso orgulho pelos seus habitantes, num país onde praticamente não se compra esse liquido engarrafado. Na Islândia enche-se a garrafa com agua da torneira e se estamos em viagem, nos rios ou nascentes. Se vemos alguém de guarda chuva ou a comprar agua engarrafada nos supermercados, cheira a turista ou visitante ocasional.

sexta-feira, novembro 22, 2013

0

Nova Viagem de Autor de Gonçalo Cadilhe com a PLV - Nas Ilhas das Especiarias, Java, Bali e As Molucas

Nas Ilhas das Especiarias - Java, Bali, As Molucas (15 Dias)
| 26 de janeiro a 9 de fevereiro de 2014 | Consulte mais AQUI |

Gonçalo Cadilhe nas Molucas

 

"A viagem portuguesa que mudou o mundo

Talvez a mais célebre frase da História de Portugal seja a explicação de Vasco da Gama sobre as razões que trouxeram os portugueses ao Oriente: “viemos em busca de cristãos e especiarias”. Onde se produziam a pimenta, a noz-moscada e o cravinho, os mais ambicionados produtos da Idade Média? Em 1512 uma pequena e mal preparada expedição, comandada por António de Abreu, viajou por Java, Bali e o mar das Celébes até chegar às Molucas, as míticas Ilhas das Especiarias. A nossa viagem, 500 anos depois, irá celebrar estes destinos extraordinários que provocaram os Descobrimentos, o colonialismo e a globalização. Viajaremos ao longo da Indonésia, um dos países mais acolhedores do mundo, por vezes fora dos roteiros turísticos, mas sempre em conforto e segurança, entre vulcões perfeitos, arrozais holísticos, monumentos budistas Património da Humanidade, sorrisos zen e ruínas portuguesas que o tempo quase esqueceu." 
- Gonçalo Cadilhe -

terça-feira, novembro 19, 2013

0

Svartifoss - A Catarata Negra, Islândia

Um Admirável Mundo...

Catarata Svartifoss - Um catarata com colunas de lava, no Parque Nacional de Skaftafell, na Islândia.
Estas colunas de basalto serviram de inspirção aos arquitectos islandeses, inspiração essa que é mais visível na Igreja Hallgrímskirkja, em Reykjavík e também no Teatro Nacional.


Svartifoss Waterfall, Parque Nacional de Skaftafell, Islândia
Imagem: Shutterstock, Copyright -  Bildagentur Zoonar GmbH

0

Mausoléu Shah Cheraq, Shiraz, Irão: um dos mais sagrados centros do xiismo

Mausoléu Shah Cheraq, Shiraz, Irão

Pouquíssimos monumentos no Irão são tão opulentos e radiosos como o Mausoléu Shah Cheraq, em Shiraz. A sua magnífica cúpula bulbosa coberta de azulejos azuis, em aliança com um par de minaretes de topo dourado, é uma mera introdução a um interior repleto de pequenos espelhos que reflectem o fervor das preces muçulmanas. Uma arquitectura rica, que adquire um encanto ainda maior ao início da noite, com todos os seus elementos iluminados.

quinta-feira, novembro 14, 2013

0

Al Bastakiya, Dubai, Emirados Árabes Unidos: o lado mais tradicional de um país sumptuoso

Al Bastakiya, Dubai, Emirados Árabes Unidos
 
Quem associa o Dubai pura e simplesmente a ambientes luxuosos, arranha-céus, vanguardismo e modernidade revela uma séria necessidade de visitar Al Bastakiya. Instalado na margem sul do rio Creek, este distrito histórico, pequeno em tamanho mas grande em significado, oferece aos viajantes um vislumbre do passado do emirado, das tradições e tendências arquitectónicas que o caracterizaram no início da sua existência. Um privilégio que, na actualidade, não obtemos nem dos media nem de uma passagem fugaz pelos Emirados Árabes Unidos.

terça-feira, novembro 12, 2013

0

Vulcão Bromo, Surabaya, Indonésia


Vulcão Bromo, Surabaya, Indonésia

É um ritual a que aderem tanto turistas como locais. De madrugada, atravessam a cavalo o “mar de areia” que rodeia o Monte Bromo, desde a aldeia de Ngadisari até à base do vulcão. Depois, sobem os 50 degraus que levam à borda e a recompensa é maravilhosa: uma vista privilegiada do nascer do sol nesta região, um dos mais belos em todo o mundo.

domingo, novembro 10, 2013

0

Palácio dos Ventos (Hawa Mahal), Jaipur, Índia

Palácio dos Ventos (Hawa Mahal), Jaipur, Índia
Em Jaipur, a “Cidade Rosa”, as ruas e as construções evidenciam-se pelo seu tom avermelhado. Mas há um monumento que sobressai no meio de tanta cor, através da sua peculiar arquitectura e do rendilhado das suas 953 janelas de estilo barroco, também conhecidas como jharokhas. O Palácio dos Ventos, ou Hawa Mahal, foi erigido em 1799 e a razão da sua construção tem vindo a impressionar os apaixonados da arte e da arquitectura, ao ponto de o edifício se ter tornado o mais famoso e um verdadeiro símbolo da capital do Rajastão.

sexta-feira, novembro 08, 2013

0

Convento de Cristo em Tomar: a pérola descoberta pela UNESCO no Centro de Portugal

Convento de Cristo em Tomar, Portugal
Quando, no século XIV, a Ordem dos Templários foi abolida, Tomar estava destinado a cair no esquecimento. A sua era de glória como principal fortaleza da Reconquista já não era mais do que uma memória e nada indicava que a importância da localidade se fosse manter. Mas o facto é que se manteve, por entre séculos de renovação arquitectónica, de embelezamento artístico e de aquisição de estatuto, até à nomeação como Património da Humanidade em 1983. Afinal, a UNESCO também encontra monumentos de valor por terras lusas…

quinta-feira, novembro 07, 2013

0

Real Chateau de Chambord, Vale do Loire, França

Situado em Loir-et-Cher, a 14 km de Blois e a 164 km sul de Paris, o Castelo de Chambord é o maior e mais prestigiado castelo do Loire.
Célebre especialmente pela sua escadaria de dupla-hélice atribuída a Leonardo da Vinci (duas pessoas podem percorrê-la por dois caminhos sem se encontrarem) o Castelo de Chambord é uma obra-prima arquitetónica do Renascimento. 

terça-feira, novembro 05, 2013

0

Casa-Museu Tchaikovsky - Klin, Rússia

A casa de madeira de Tchaikovsky em Klin, no sossego da região rural de que tanto gostava
Numa carta ao seu irmão em 1892, Pyotr Tchaikovsky escreveu: "Aluguei uma casa em Klin. Que alívio saber que ninguém virá interromper o meu trabalho, a minha leitura ou os meu passeios". Estadas anteriores numa aldeia perto de Klin inspiraram algumas das suas composições, incluindo os bailados  A bla adormecida e o Quebra-Nozes; e a ópera A Rainha de Espadas.
Tchaikovsky só passou alguns meses nesta casa, pois morreu em 1893. Em 1894, o seu irmão mais novo abriu a propriedade a visitantes.

segunda-feira, novembro 04, 2013

0

Postal de Viagem enviado por João Paulo Fernandes Lopes - Cabo Verde - Passatempo de Verão 2013


Inoculação da morabeza

1. Alternativa africana

O destino de férias desejado é facílimo de encontrar todos os anos, pois sei qual é há 38 anos consecutivos. A viagem está marcada, sempre com adiamento. Figura no primeiro lugar da lista, lembrada anualmente, mas quando chega a altura de consultar preços das viagens, nem as promoções permitem o luxo. Partir seria a concretização da coragem de ir, perseguir o sonho e acabar de vez com este desejo permanente: revisitar o país natal, a cidade da infância, rever pessoas e lugares, as casas, as ruas, as árvores, as praias, o pôr-do-sol único a cada fim de tarde, as frutas, as brincadeiras, os cheiros, os aromas, os sons, as cores, a música, a dança.
0

Postal de Viagem enviado por Luís Larangeiro - Por terras do Conde Drácula - Passatempo de Verão 2013

  
Por terras do Conde Drácula
Quando o grupo de quarenta e quatro pessoas se encontrou pela primeira vez no aeroporto de Bucareste, para iniciar, durante vários dias, uma das Viagem Pinto Lopes, na Roménia e Bulgária, uma pequena parte deste grupo não imaginaria que iriam viver uma cena mirabolante.
Tudo correu bem durante a estadia na capital da Roménia, com particular destaque para o colossal edifício do Parlamento, que demonstra bem a megalomania de Ceausescu, o seu impulsionador, e que hoje é um ícone de Bucareste e um belo edifício, fazendo esquecer quanto sofrimento causou ao seu povo, para ser o que é hoje.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...