quinta-feira, setembro 26, 2013

0

As cidades mais honestas do mundo - o teste da carteira perdida

O teste da carteira perdida

Quais são as cidades mais (e menos) honestos do mundo? A Reader's Digest (RD) realizou uma experiência a nível global, para nos dar a resposta.
Pois é... Uma equipa de repórteres da RD "perdeu" 12 carteiras em cada uma das 16 cidades escolhidas. A missão era deixar carteiras em parques, shoppings e passeios e depois esperar para ver o que acontecia. Helsínquia, na Finlândia, mostrou-se a mais honesta entre as cidades visitadas: das 12 carteiras esquecidas propositadamente, 11 foram devolvidas intactas.
Já se perdermos a carteira em Lisboa tudo indica que ela nunca será recuperada, já que apenas uma das 12 carteiras deixadas na cidade foi devolvida. E vale ressaltar que ela não foi encontrada por portugueses e sim por um casal de turistas holandeses.
Cada uma das carteiras usadas na experiência continha o equivalente a 50 dólares, cartões-de-visita, uma fotografia de família, papéis que indicassem nome completo e telefone do proprietário e números de telemóvel.
As instruções que os repórteres tinham eram simplesmente largar as carteiras em diferentes pontos da cidade. "Depois esperamos para ver o que acontecia", acrescentou um deles.
Em Budapeste, onde oito entre as 12 carteiras foram devolvidas, a equipa de reportagem viu uma mulher na casa dos 60 anos abrir uma das carteiras "perdidas" e entrar num prédio. "Nós nunca mais tivemos notícias dela", contaram eles.

A desmistificação...

De uma forma geral, os resultados demonstraram que as cidades grandes e com um ritmo de vida frenético podem ser injustamente encaradas como lugares propícios à desonestidade. Mas não é bem assim. Na imensa Mumbai, por exemplo, nove carteiras foram devolvidas ("eu ensino os meus filhos a serem honestos, assim como os meus pais me ensinaram", disse uma mãe de dois filhos). Nova Iorque também não se saiu mal e foi qualificada como a quarta mais honesta entre as cidades avaliadas.
"Toda a gente diz que os nova-iorquinos não são amigáveis, mas o povo aqui é muito gentil", declarou uma funcionária pública antes de acrescentar: "Acho que ficariam surpresos com o número de nova-iorquinos que devolveriam uma carteira numa situação dessas".
Curiosamente, grande parte das pessoas que acabaram por participar na pesquisa disseram que foi a foto de família dentro da carteira que os encorajou a procurar o dono.
Quanto à honestidade da população finlandesa, um homem explicou: "Nós somos uma comunidade pequena, unida e tranquila. Temos pouca corrupção e não precisamos nem de semáforos."

Veja então a classificação de diferentes cidades no "teste de honestidade":

  1. Helsínquia, Finlândia: 11 de 12 carteiras devolvidas
  2. Mumbai, Índia: 9/12
  3. Budapeste, Hungria: 8/12
  4. Nova York, EUA: 8/12
  5. Moscovo, Rússia: 7/12
  6. Amesterdão, Holanda: 7/12
  7. Berlim, Alemanha: 6/12
  8. Ljubljana, Eslovénia: 6/12
  9. Londres, Inglaterra: 5/12
  10. Varsóvia, Polónia: 5/12
  11. Bucareste, Roménia: 4/12
  12. Rio de Janeiro, Brasil: 4/12
  13. Zurique, Suíça: 4/12
  14. Praga, República Checa: 3/12
  15. Madrid, Espanha: 2/12
  16. Lisboa, Portugal: 1/12
 Fonte: Reader's Digest

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe aqui o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...