sábado, maio 25, 2013

0

Parque Lazienki, uma lufada de ar fresco em Varsóvia, Polónia

Em meados do século XVII, o magnata Stanislaw Lubomirski incumbiu Tylman van Gameren de transformar uma floresta que crescia selvagem em pleno centro de Varsóvia no grande pulmão da cidade. O resultado foi o parque Lazienki. Os seus 76 hectares fazem dele o maior da capital polaca. A sua magnífica arquitectura, que se esconde em cada recanto dos jardins e sobreviveu a duas guerras mundiais, faz dele um dos mais belos e apreciados de toda a Europa.

O grande protagonista desta arquitectura é o Palácio sobre a Água, igualmente conhecido como Palácio na Ilha. O facto de assentar numa ilha artificial produz o espectacular efeito de estar a flutuar no extenso Lago Lazienki. O palácio está ligado à terra por duas pontes em arco e divide o lago em dois, sendo possível falar de uma parte norte e de uma parte sul, a segunda bem maior do que a primeira.
Lazienki, traduzido à letra, significa “banhos” e esta designação deriva da utilização que era dada ao edifício antes de se tornar o grandioso Palácio sobre a Água. No tempo de Lubomirski, era um pavilhão de banhos privado, e só com a ascensão de Stanislaw August Poniatowski, o último rei da Polónia, se viu reconfigurado e convertido numa residência para uso real exclusivo. Hoje, é um museu em que estão incluídas, por exemplo, a Sala de Salomão, um verdadeiro testemunho da exuberância barroca e um expositor da vida de Salomão, e uma galeria de arte onde se podem observar obras de Rubens e de Rembrandt.

Concertos de Chopin ao ar livre

Outra das especiais atracções do parque é o monumento a Chopin, provavelmente a mais famosa representação do compositor, que o exibe sentado algures no próprio Lazienki, à sombra de um salgueiro. A estátua original foi talhada por Witold Szymanowski em 1926, mas não escapou à violência da II Guerra Mundial, e a que lá vemos hoje só foi terminada em 1958. É no Verão, nos fins-de-semana mais solarengos, que o monumento ganha realmente vida: desde há 50 anos, são organizados concertos de piano gratuitos em seu redor, que atraem invariavelmente multidões de locais e de turistas ao Lazienki.
Com palácios, mansões, teatros, cafés e restaurantes, o Parque Lazienki é o refúgio preferido dos varsovianos ao domingo à tarde. Mas também para os turistas é uma fonte de entretenimento: assista a um espectáculo de ballet ou de dança contemporânea no Teatro na Ilha, uma réplica do anfiteatro de Herculano que separa devidamente o palco da plateia através de um curso de água, ou visite as galerias de escultura do Laranjal (Old Orangery), um dos poucos court theatres que restam em todo o mundo. Não se irá arrepender.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Deixe aqui o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...