terça-feira, setembro 11, 2012

1

Antes de Viajar, não se esqueça de...



  • Atempadamente verifique se necessita de visto para entrar no(s) país(es) de destino. Em caso afirmativo solicite todas as informações junto da agência, uma vez que consoante o país, existem vistos que só se conseguem à entrada.
  • Menores com residência em Portugal que viajem para fora do território nacional não acompanhados por ambos os pais, necessitam de ter uma autorização com assinatura reconhecida em notário. Outras situações, consulte-nos para detalhes. Conforme os países de destino, os menores terão de apresentar B.I., Cartão de Cidadão ou Passaporte. As cédulas pessoais não são válidas;
  • Cidadãos de outros países que não Portugal, deverão obter informação sobre as condições de acesso aos países a visitar;
  • A falta dos documentos de viagem poderá implicar a impossibilidade da sua efetivação, resultando na anulação automática dos serviços, sem direito a qualquer reembolso;
  • Verifique se o seu Passaporte, Bilhete de Identidade ou Cartão de Cidadão estão válidos. Alguns países exigem um prazo de validade do passaporte que poderá ir até 6 meses após a entrada;
  • Os números de telefone para os quais ligar no caso de perda do cartão de crédito ou de débito: - SIBS: 808 201 251, em Portugal, ou 00 351 21 781 30 80, no estrangeiro;  - Para o respectivo banco, através de um dos números que constam na parte de trás do cartão (aconselhar a anotar previamente). 
  • Cuidados a ter quanto à perda de documentos: - Antes da viagem, tirar fotocópias dos documentos e levá-las na mala ou então digitalizá-los e enviá-los para um e-mail; - Ter sempre um cartão com os contactos pessoais na carteira, para que esta possa ser devolvida no caso de perda; No caso de perda do passaporte, contactar a embaixada ou consulado de Portugal nesse país.
  • Lembramos a todos os passageiros que estejam cobertos pelo nosso seguro de assistência em viagem (Multiviagens e Multiviagens Vip) que qualquer ocorrência deverá ser comunicada aos serviços respetivos, telefonando para (+351) 210 443 682 (RNA – Rede Nacional de Assistência);
  • Caso se desloque a um país da União Europeia, sugerimos que obtenha o seu Cartão Europeu Seguro de Doença – CESD nos serviços respetivos (Previdência, ADSE ou na Loja do Cidadão).
  • Máquina fotográfica ou de filmar: em determinados países aconselhamos o registo dos respetivos aparelhos nos serviços próprios de Alfândega;
  • Lembre-se de levar consigo a sua pequena farmácia, principalmente os medicamentos que esteja a tomar. Transporte sempre consigo a receita médica. Lembre-se que existem substâncias legalmente permitidas em Portugal mas que são ilegais noutros países;
  • Informe-se, com antecedência, quanto a eventuais cuidados de saúde especiais, como vacinação ou outras precauções; Caso de desloque a um país de clima tropical ou com doenças endémicas, aconselhamos que efetue antecipadamente, 6 a 4 semanas antes da partida, uma consulta do viajante;
  • Atempadamente informe-se se o país que vai visitar exige a apresentação do certificado internacional de vacinação contra a febre-amarela. A vacinação contra a febre-amarela deverá realizar-se com uma antecedência mínima de 10 dias antes da viagem e tem uma validade de 10 anos;
  • Reduza ao mínimo a quantidade de roupa a transportar, tendo em conta o clima, a época do ano e o tempo de viagem, optando sempre por roupa e calçado cómodos;
  • Informe-se previamente sobre o peso da bagagem (porão e mão) e a quantidade de peças (malas ou outros....) autorizados pela companhia aérea que vai utilizar;
  • Em determinados países, nas visitas a templos religiosos, recomendamos que seja evitada a utilização de minissaias, shorts ou blusas cavadas para que não ocorram problemas de admissão;
  • Desde novembro 2006, entraram em vigor na União Europeia novas medidas de segurança que se aplicam ao transporte de bagagem de mão e restringem a quantidade de líquidos autorizada a ser levada pelos passageiros para a cabina do avião;
  • Aquando do regresso, não se esqueça de verificar se deixou o seu passaporte ou qualquer outro documento na receção do hotel, assim como algum objeto no seu quarto, nomeadamente no cofre ou roupeiro.

Boas Férias!
Pinto Lopes Viagens


1 comentário:

  1. Quero deixar um aviso para a péssima experiencia que estou a ter com a empresa de seguros de viagem RNA:
    Tendo tido que cancelar a viagem por uma litíase renal aguda e totalmente inesperada, em Maio passado, passados 3 meses, ainda continuam a pedir-me variados relatórios e a informar-me que "o processo está em análise" na tentativa de não indemnizarem do pagamento da viagem. Fica aqui o aviso para quem utilizar os serviços desta corretora de seguros.

    ResponderEliminar

Deixe aqui o seu comentário!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...